Bernardo Parreiras (ecos prosaicos)

Quem é a prosa para falar da poesia?

Textos
Título Categoria Data
"Escravos de ganho" Crônicas 01/08/09
"Meu pensamento tem a cor do seu vestido" Ensaios 25/07/09
"O sol só vem depois" e a poesia de AmarElo (Emicida, 2019) Homenagens 09/12/19
"Rastros de Resistência: Histórias de Luta e Liberdade do Povo Negro", de Ale Santos (@savagefiction) Homenagens 19/09/19
A banda Contos 26/10/16
A caverna e a luz Infantil 03/04/09
À distância Poesias 11/09/17
À glória Contos 20/06/17
A mediadora Contos 29/08/08
A metamorfose, de F. Kafka Análise de obras 27/01/11
A nova constituinte e o canto das sereias Artigos › Política 26/06/13
A onda Contos 26/08/17
A rua, o prédio e o povoado: passado, presente e futuro. O som ao redor, Aquarius e Bacurau. A trilogia do cineasta Kleber Mendonça Filho Análise de obras 10/12/19
A solução Contos 19/06/17
A TRILOGIA DE KLEBER MENDONÇA FILHO: A RUA, O PRÉDIO E O POVOADO: PASSADO, PRESENTE E FUTURO. Análise de obras 09/12/19
A voz da Gente (Mangueira, 2020) Análise de obras 29/02/20
Afinal, quem são os parasitas? Análise de obras 26/12/19
Águas de março Ensaios 17/07/10
Além das palavras Prosa Poética 05/08/10
Amnésia/Memento (Christopher Nolan, 2000) e Uma mente Brilhante (Ron Howard, 2001): o espectador na pele do personagem. Análise de obras 31/03/20
Página 1 de 7 1 2 3 4 5 6 7 [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Tweet